7 de abr de 2014

Meu álbum da Copa de 2014

Vi que alguns amigos já receberam o álbum da Copa de 2014. Eu também. Com figurinhas. E li o texto brilhante do Mauricio Stycer ( http://copadomundo.uol.com.br/noticias/redacao/2014/04/07/opiniao-figurinhas-com-publicidade-sao-um-abuso.htm ) sobre o tema. Impulsionado pela grande quantidade de gente na redação colecionando vou me meter no tema. Faremos uma ponte-aérea de figurinhas Rio-São Paulo que promete mexer no mercado.

Mas a primeira impressão não foi boa.

Sou das antigas. Comecei a colecionar figurinhas em 81, 82. Na época não era Paninni e sim o álbum da Copa era dos chicletes (chiclé, em São Paulo), Ping Pong. Era necessário mascar muito para conseguir uma figurinha e andar pela cidade em busca de chicletes de morango, onde vinham as mais raras ("não existem figurinhas difíceis", dizia o álbum).

Sigo.

Não gosto de figurinhas auto-colantes. Prefiro as que nos obrigavam a usar cola. Ainda cheguei a fazer cola de farinha de maisena.

Os pacotinhos de hoje te permitem ver, com dose de boa vontade, qual o primeiro cromo. Antigamente não havia jeito de ver nada. O que dava mais emoção. Além disso, você conseguia usar um pacotinho como "depósito" para trocar as figurinhas repetidas e levar pro colégio na mochila, sem risco de amassar. Com o pacotinho de hoje, isso é impossível. É ainda difícil abrir o pacotinho sem danificar um cromo, de tão apertado que vem aquilo.

Ao contrário de muitos amigos, que eram exímios coladores de figurinha, meus álbuns eram uma zona. Errava de propósito e errava porque errava. Figurinha para mim tem que ter aquele espaço em branco pra marcar que você é humano e faz merda na hora de colar.

Mais. Cadê a relação numérica das figurinhas na última página, onde você marcava o que já tinha? Cadê o nome dos jogadores no álbum? Se eu colar por engano a 127 no lugar da 128 e quando vier a 128 eu colar na 127 dá igual. Se você não comparar o álbum com ninguém, nunca vai saber se errou. Isso é péssimo. Posso colocar o time na ordem que quiser. Que porcaria.

E para fechar, que merda é essa de figurinha com propaganda? Dá vontade de deixar em branco em sinal de protesto.

Para não falar só de coisa ruim, gostei do fato de as 32 seleções terem o mesmo espaço. No álbum da Copa de 90, por exemplo, algumas seleções menores dividiam a página e os jogadores dividiam espaço na mesma figurinha. Agora isso melhorou (na verdade, desde 2006 já era assim).





Nenhum comentário: